Haojue lança DR 300 na China

Quase dois anos após seu registro, a parceira da Suzuki lança a versão 300 cc da naked.



A nova DR 300 já está registrada desde 2018 quando ela foi exposta na Feira Internacional de Motos que acontece na cidade de Chongqing na China, e já está até sendo comercializada em alguns mercados internacionais, se é que podemos dizer assim, já que ela é equivalente à Suzuki GSX-S300. Ela começou a ser produzida em março na China.


Se vier para o Brasil, ela deve ter como principais alvos a Honda Twister e a Yamaha Fazer 250. Mas ela tem um design bem agressivo para uma moto de baixa cilindrada e pode ser uma alternativa a BMW G310 R até porque evidentemente vai custar bem menos que a moto da BMW.


O motor da DR 300 é um novo bicilíndrico com 298 cc e refrigeração líquida que é capaz de gerar a potência máxima de 29 cavalos a 8.500 rpm, torque máximo de 2,8 kgf.m aos 6.500 giros e trabalha em conjunto a um câmbio de 6 marchas.


Outro destaque do modelo, é a suspensão Kayaba invertida na frente. Uma característica que entre as três motos que citei anteriormente, apenas a G310 R da BMW possui. Não estou querendo dizer que a moto da Haojue vai concorrer com a BMW, são marcas bem diferentes com posicionamentos bem diferentes, mas sem dúvida esse modelo pode agregar bastante ao mercado de baixa cilindradas aqui no Brasil caso seja lançado aqui. Sua suspensão traseira funciona por monoamortecedor com 7 ajustes de pré-carga.



O painel da moto é em estilo Blackout, quando a tela LCD tem o fundo preto e os números das informações aparecem na cor branca, e traz velocímetro ao centro, conta-giros no topo em formato de barra, indicador de marchas na direita e o hodômetros na esquerda. Seu tanque tem capacidade para 16 litros e um formato bem esportivo que possibilita o encaixe das pernas do piloto.


A nova moto da Haojue vem com rodas de 17 polegadas medindo 110/70 na dianteira e 140/70 na traseira, e pneus Pirelli Diablo Rosso 3. Seu sistema de freios é da BOSCH e funciona por meio de disco tanto na frente quanto atrás e com ABS nas duas rodas.


Na China, ela está sendo vendida pelo equivalente a R$ 26.350,00. Quer dizer, se ela fosse lançada hoje aqui no Brasil seria mais cara que a Kawasaki Z400, por exemplo, que custa atualmente R$ 23,6 mil e é muito superiores em potência. Mas não podemos esquecer que nosso país está passando por uma crise severa, com o dólar na casa dos 6 reais. A gente torce que a Haojue traga essa moto pra cá mas que quando isso aconteça ela não chegue por esse valor e sim por volta de 16 mil, que é o valor que seria bacana para ela concorrer com as motos da Honda e da Yamaha e assim fortalecer a marca e poder dar continuidade ao trabalho que tem feito no Brasil.


© 2020 - Motorama S. P. LTDA.

CNPJ 36.892.387/0001-85

-----

canalmotorama@gmail.com

-----

Envio dos produtos da loja de 7 a 20 dias a depender do produto.

  • Youtube
  • Facebook
  • Instagram